Barcelona em seu devido lugar

O Barça voltou a ser o Barça! Um time que surpreende, assusta e encanta.

messi

No jogo de hoje contra o Milan o desafio era um dos mais duros dos últimos tempos para os culés. Remontar um 2×0 contra o dos grandes da Europa. O placar desfavorável, somado aos resultados decepcionantes nos clássicos contra o Real Madrid, desacreditava o Barcelona na partida. Muitos não acreditava na reabilitação do Barça.

O time deu a resposta a todas as críticas onde costuma fazer, em campo. Jogou como sabe. Um Barça como os de Pep Guardiola, sólido, estruturado e contando com a estrela dos craques. Messi fez um grande jogo, Iniesta foi quase perfeito e o time funcionou. O Milan não veio ao Camp Nou para vencer, o time não foi nem metade do que vimos no San Siro, deixou o Barça jogar. Os culés conseguiram romper a barreira defensiva do Milan e não marcaram os 3 gols que precisavam e sim 4. Resultado Barcelona 4×0, dois gols de Messi, um de Villa e um de Jordi Alba. Uma remontada hisórica. Os jogadores prometeram a classificação ao treinador Tito Vilanova e cumpriram. #estavaportito

remonatada_barça

O Barça vai dormir no seu devido lugar, em quartas de final da Liga dos Campeões. Se há Barça, há Champions!

No outro jogo da noite, o Galatasaray fez 3×2 no Schalke.

Anúncios

Almoço de luxo

Depois de 28 anos o Barça voltou a jogar ao meio-dia. A última vez que os culés disputaram um jogo às 12h foi em 1985, contra o Sevilla, lá em Sevilla.

fcbarcelona

fcbarcelona

Na manhã de hoje, desta vez no Camp Nou, o Barça enfrentou o Getafe, e parece que o horário fez bem para os donas da casa. Com o estádio quase lotada, mais de 85 mil torcedores, o Barça goleou o Getafe por 6×1.

marca.com

marca.com

Os 6 gols do Barça foram marcados por jogadores diferentes, Alexis, Messi, Villa, Tello, Piqué, e o melhor jogador do dia Iniesta. Foi uma grande apresentação do Barça e uma manhã mágica de Don Andrés que ofereceu passes incríveis e organizou o jogo como só ele sabe fazer. Uma aula de futebol!

Ah, Messi marcou seu gol 299 com a camisa do Barça e chegou a 13 rodadas consecutivas marcando no campeonato espanhol. Fenômeno!

Madri é do Real Madrid

(foto:as.com)

(foto:as.com)

Este era o momento para o Atlético de Madrid começar a reescrever a história dos clássicos da capital espanhola. Os colchoneros vivem um grande momento, em segundo no campeonato espanhol, bem visto pela Europa e com o grande Falcao na delantera. Mas não deu, o Atleti não conseguiu romper a sequência de vitória do Real Madrid em clássicos. Com os 2×0 de hoje, os merengues chegaram a 9 vitórias seguidas em derbis madrilenhos.

Um jogo para Cristiano Ronaldo...

Um jogo para Cristiano Ronaldo…

...não foi um jogo para Falcao.

…não foi um jogo para Falcao.

O jogo não foi uma apresentação exemplar do futebol bonito, nem muito menos. Foi uma partida dura, de muitas faltas e taticamente estudada por Mourinho e Simeone. Nos primeiros 14 minutos do jogo, o Atlético até parecia seguro e disposto a manter o estilo de jogo definido pelo treinador até o final. Mas aos 15 minutos, em uma falta sem sentido, Cristiano Ronaldo abriu o placar e a balança do jogo começou a pesar. Özil marcou o segundo na parte final da partida e o Real Madrid saiu vencedor.

Barça atropelando (foto:mundodeportivo.com)

Barça atropelando (foto:mundodeportivo.com)

A situação da tabela, após o clássico não mudou muito. O Barça segue líder absoluto, com 6 pontos de vantagem sobre o Atlético de Madrid (segundo colocado) e 11 sobre o Real Madrid (terceiro colocado). Por certo, o Barcelona fez uma partida impecável, com show de Messi (já está com 84 gols no ano) e Iniesta, e vence o Athletic Club de Bilbao por 5×1. Bateu o recorde de 13 vitórias em 14 jogos do campeonato espanhol e entrou para a história como a melhor largada de um clube na Liga BBVA. A outra novidade de noite foi a demissão do treinador do Valência, Mauricio Pellegrino. Ele já estava na corda bamba e após a derrota de hoje, por 5×2 para a Real Sociedad, o clube resolveu se desfazer do treinador.

Os melhores do mundo jogam aqui – Messi, Cristiano Ronaldo e Iniesta

A FIFA acaba de anunciar o s3 finalista que concorrem ao melhor do mundo de 2012. Na disputa: Messi, Cristiano Ronaldo e Andrés Iniesta.

O favorito é novamente o argentino Lionel Messi. Apesar de não ter conquistado nenhum título grande neste ano, Messi é a estrela do Barcelona e segue surpreendendo o mundo e batendo recordes.

Cristiano Ronaldo, o grande rival de Messi, tem a seu favor os títulos conquistados com o Real Madrid este ano: Campeonato Espanhol e da Supercopa da Espanha. Além disso, a boa atuação do português na participação de Portugal na Eurocopa também contam.

A disputa entre Cristiano Ronaldo e Messi tem um intruso de respeito…

Andrés Iniesta pode acabar com a festa das estrelas.

O intruso…A “surpresa” da lista é Andrés Iniesta. Dom Andrés é o cara responsável pelo jogo bonito do Barcelona, campeão do Mundo e de 2 Eurocopas com a Espanha e um jogador único. Na minha opinião, o que mais merece este prêmio. Não somente por ele, mas pelo país que representa. Ícone de uma geração fantástica de jogadores espanhóis e da seleção que pode ser a maior de todos os tempos. Na minha opinião é injusto a Espanha, melhor time da atualidade, não contar ainda com um melhor do Mundo.

A Espanha se reafirma como o país do momento do futebol, além dos 3 jogadores atuarem aqui, os 3 treinadores candidatos a melhor do mundo, também trabalham (ou trabalharam) em território espanhol. Vicente del Bosque, Pep Guardiola e Mourinho são os candidatos. É, o momento é mesmo de Fúria, Barcelona e Real Madrid.

O premio de melhor do mundo do ano é muito criticado, muitas vezes por não levar em consideração os melhor daquele ano. Em 2012 dois jogadores despontaram e mereceriam sim estar em os 3. Falcao, colombiano do Atlético de Madrid, e Ibra, do PSG, fizeram um ano magnífico, mas como não são jogadores tão regulares, não entraram entre os 3. Neymar ainda não é um dos melhores do mundo, ele ainda tem muito que mostrar.

O melhor do mundo de 2012 será conhecido no dia 7 de janeiro de 2013, na Suiça.  

Um Barça recorde

Ao vencer o Levante, em Valência, por 0x4, o Barcelona somou 12 vitórias em 13 jogos, melhor arrancada da história do Campeonato Espanhol. Os culés também são o único clube a começar um campeonato com 7 vitórias fora de casa.

Tito Vilanova consegui colocar 11 jogadores formados nas categorias de base do Barça em campo (foto:marca.com)

No dia em que vence mais uma e alcançou um recorde, o Barça garantiu a vantagem de 11 pontos à frente do Real Madrid e três do vice-líder Atlético de Madrid.

Messi e Iniesta, as estrelas do jogo (foto:sport.es)

E para fechar o dia com chave de ouro, Messi marcou mais 2 gols e chegou aos 82 gols no ano. Se marcar mais 4 ultrapassará Gerd Müller, com 85 gols em um ano, e entrará para a história.

Messi ofereceu seus gols ao filho, Thiago Messi, e jogou com esta munhequeira (foto:canal+)

Não deu pro Barça…

3 chutes a gol e 2 gols; 80% de posse de bola e 1 gol do Messi…este é o resumo de Celtic 2×1 Barça de hoje.

foto:gettyimages

O Barça fez o que sabe fazer, tocar a bola. Dominou o primeiro tempo e terminou o jogo com 9 disparos a gol. O Celtic, ficou esperando. Segurou o Barça atrás e aproveitou falhas na defesa para marcar. Resultado, 2×1 pro Celtic e um amargo choque de realidade para o melhor time do mundo.

O homem do jogo: Fraser Forster , goleiro do Celtic. foto:gettyimages

O Barça continua no topo, é um time a ser batido sempre…mas não é mais novidade. Os adversários aprenderam a jogar contra os culés. Caso Messi não apareça, Iniesta não esteja inspirado e Xavi não jogue tudo que se espera dele a temporada será assim. De posse de bola, chutes a gol e, com sorte, de vitórias.

O Barcelona não é mais o mesmo?

Na noite de hoje, os culés enfrentaram o Granada pelo campeonato espanhol (Liga BBVA). Em um jogo bem complicado, o Barça venceu por 2-0, com 2 gols depois dos 41 minutos do segundo tempo. No meio da semana, ante o Spartak, o time catalão já havia passado por um sufoco parecido. Isso nos leva a pensar, será que o Barça não é mais o mesmo time?

Imagem

Os jogadores são os mesmos…

Não! Bom, o time é mesmo, basicamente não mudou da última temporada para esta. Mas não, também não dá para dizer que segue tudo igual. Alguns vão dizer que foi a saída do Guardiola, que a equipe sem o Pep no comando já não joga igual. Pode até ser que o Tito tenha mudado mesmo a forma de jogar, mas para mim a explicação é outra. Os adversários estão aprendendo a jogar contra o Barcelona. Os times que enfrentam os culés já entram em campo com 9 jogadores na defesa. Deixam um perdido lá na frente, para quando ocorre o contra-ataque, e já está. Não vou dizer que todos fazem isso bem, mas ultimamente eles têm conseguido. Claro que a não ter o Iniesta também ajuda e que na hora de defender não é o mesmo sem o Puyol e o Pique, mas a realidade é que o Barça já não é o mesmo. Quando a estrela do Messi não brilha, o time parece que não consegue marcar. Até ataca, mas não finaliza.

Imagem

Sai Pep e entra Tito

Vamos ver o que vai acontecer nos próximos jogos. As crises no Madrid e o fato dos merengues estarem tão mal na Liga está abafando as discussões em relação ao que pode estar acontecendo com o Barça. Veremos!

Don Andrés Iniesta

Andrés Iniesta ganhou o prêmio de melhor jogador da Europa em 2012. É um dos poucos jogadores espanhóis a ganhar um prêmio individual a nível internacional. Muito merecido!

Imagem

O melhor da Europa na temporada 2011/12

Por mais que muitos ainda coloquem Raúl (ex-Real Madrid) como o maior jogador da história da Espanha da atualidade e outros que posicionem a Alfredo Di Stéfano (mesmo sendo argentino) como o maior de todos, Andrés Iniesta é “O Cara”. Ele entrou nesta lista e tem futebol para garantir este “título” com folga.

Autor do gol que levou a Espanha ao topo do futebol mundial em 2010; maestro da seleção também nas duas últimas Eurocopas que o país conquistou; e dono, junto com Xavi Hernández, do meio campo da geração do Barcelona que entrou para a história. O currículo deste “chaval” de 28 anos é digno de um dos grandes do futebol mundial.

Imagem

É complicado parar Iniesta

Um tipo simples, “certinho” e que não costuma estampar capas de revistas de celebridades, a não ser com a festa do seu casamento com Anna Ortiz, que aconteceu depois desta última Eurocopa. Começou no futebol nas categorias de base do Albacete Balompié, time pequeno da província de Albacete (comunidade autônoma de Castilla La-Mancha), de onde é natural. Com 12 anos, chamou a atenção do Barcelona e foi convidado a fazer parte das categorias de base do time catalão. Já vivendo em La Masia (residência dos jogadores das categorias inferiores do Barça). Com 15 anos começou a treinar com o time principal e em 2002 estreou com o time da primeira divisão do Barcelona.

Imagem

Albacete, a província do Iniesta

Iniesta tem todos os títulos que um jogador pode querer: Campeonato Espanhol, Copas do Rey, Champions League, Mundial Interclubes, Eurocopa e Copa do Mundo. Mesmo assim, ele não se esquece de onde veio. Sua família possui uma bodega de vinhos na sua cidade natal, Fuentealbilla. A Bodegas Iniesta é uma das grandes empresas do pueblo e responsável por proporcionar trabalho para muitos dos pouco mais de 2 mil habitantes. Além disso, o jogador não abandonou seu time de origem.

Camiseta do Albacete 2012/13

Em 2011 se tornou acionista majoritário do Albacete Balompié. Com a aquisição de 7 mil ações do clube, Iniesta deixou mais de 400 mil euros nos cofres da equipe que está disputando a Segundo Divisão B do campeonato Espanhol. O time também conta com o patrocínio das Bodegas Iniesta em sua camiseta.

Triunfar em um time que conta com o incrível Lionel Messi e ser reconhecido e admirado como o grande jogador que é não é para qualquer um. Andrés Iniesta merece todo nosso respeito!

Por: Tatiana Mantovani