Final da Copa do Rei da Espanha, um jogo para a história

Você é um louco por futebol, acaba de voltar de Amsterdam onde viu o Chelsea conquistar a Liga Europa e recebe de presente de aniversário entradas para ver Real Madrid x Atlético de Madrid, pela final da Copa do Rei da Espanha. Dá para acredita? Sim! Desembarquei do avião e fui intimada a ir ao Santiago Bernabéu. Chagando lá, a surpresa, eu iria ver este jogaço. E sim, foi um jogaço!

Festa torcida Atlétido de Madrid

O Real Madrid, todo poderoso do futebol espanhol e mundial, iria enfrentar seu rival local, o – por muitos anos menosprezado – Atlético de Madrid. Uma partida, ou melhor, uma final que claramente já contava com um campeão. O Real entrou em campo praticamente certo de que, se jogasse tudo que sabe e pode, levantaria a taça. O técnico Mourinho escalou Modric para orquestrar o time, e fez bem. Durante os 20 minutos do primeiro tempo o Real Madrid mandou no jogo. Foi dono da bola e dos ataques, marcou e saiu na frente. O Atleti parecia acanhado diante do gigante que tinha em frente. Até lutava para ter a bola nos pés, mas era em vão. Não conseguia chutar em gol. O jogo tendia para o final que todos esperavam, a vitória do Real Madrid. Mas não foi assim.

DSCN2467

Tanto não foi que não dá para explicar exatamente o que aconteceu. Não sei se foi a torcida do Atlético – que literalmente comeu a o Real Madrid nas arquibancadas – ou se foi pura estratégia do genial Cholo Simeone, mas o David foi pra cima do Golias. Dos pés do brasileiro turrão Diego Costa saiu o gol de empate, que levou o jogo para a prorrogação. Os ânimos estão tão à flor da pele, não para os jogadores/comissão técnica do Atlético e sim para os blancos, que Mourinho foi para cima do árbitro e terminou expulso. Até o, aparentemente tranquilo, Cristiano Ronaldo saiu de si e foi expulso. Deixando de lado errou ou não de arbitragem, a verdade é que os colchoneros entraram para vencer na prorrogação. Até que, ou brasileiro, Miranda fez o segundo e levou os torcedores ao delírio. O Atlético conquistava assim, 14 anos depois, uma Copa do Rei da Espanha vencendo o Real Madrid no Santiago Bernabéu.

Final Copa do Rei Santiago Bernabéu

 

Um dia histórico, senhores! Que eu,esta simples mortal, não teremos como agradecer ao meu coração por tanta emoção. Gracias aos colchoneros, parabéns ao Atleti e que o futebol seja sempre esta maravilha, um esporte onde o pequeno pode sim devorar o grande.

A torcida do Atlético de Madrid deu um show e calou o Bernabéu no final do jogo

E não faltou o Fica Mourinho

Fotos de Real Madrid 1×2 Atlético de Madrid:

atletico de madrid

jogadores atletico de madrid

Torcida Atlético Madrid

Simeone Final Copa do Rei

Torcida Real Madrid

Torcida Atlético de Madrid

Final Copa do Rei

Santiago Bernabéu Final Copa do Rei

DSCN2348

Mosaico Final Copa do Rei

Final Copa do rei

Torcedres Real madrid e Atlético de Madrid

 

Final da Copa do Rei da Espanha

Anúncios

Sevilla x Atlético de Madrid, quem vai encarar o Real Madrid?

Atlético de Madrid e Sevilla jogam esta noite no Estádio Sanchez-Pizjuan pelo segundo jogo da semifinal da Copa do Rei da Espanha. O vencedor enfrentará o Real Madrid em uma final ainda sema data marcada.

Falcao

Para ambos esta é a último oportunidade de lutar por um título nesta temporada. O Atleti está em segundo no Campeonato Espanhol e caiu foram da Europa League. Como o objetivo do clube é voltar a elite do futebol europeu e conseguir uma vaga na Liga dos Campeões na próxima temporada, Simeone focou todos seus esforços para conquistar esta vaga. Na Copa do Rei, os colchoneros enxergam uma oportunidade de levantar uma taça. O Atlético vai com tudo para passar à final e enfrentar seu rival local. No jogo de ida venceu por 2×1 e precisa de um empate para garantir a vaga.

Negredo

O Sevilla pode salvar sua temporada chegar a esta final. O time estava praticamente acabado, trocou de treinador e ressurgiu. Unai Emery conseguiu reerguer a equipe e agora quer chegar à final. Um gol do jogo de ida permitiu ao Sevilla sonhar com a classificação para a final. O histórico do confronto em Copa do Rei é favorável ao clube andaluz. Em nove encontros, o Sevilla eliminou o Atlético em cincos destes confrontos. Em 2010, na final realizada no Camp Nou, o Sevilla conquistou o título vencendo o time de Madrid por 2×0.

Real Madrid goleia Barcelona e está na final da Copa do Rei

Os resultados desfavoráveis dos times espanhóis na Liga dos Campeões fizeram desta semifinal da Copa do Rei um “vida ou morte” para os dois principais times da Espanha. Barcelona e Real Madrid se enfrentaram no Camp Nou pelas semifinais da Copa do Rei como se a temporada de ambos dependesse deste jogo. O Real Madrid, mais que o Barça dependia deste resultado para seguir “vivo”.

O cara do jogo, Cristiano Ronaldo (foto:marca.com)

O cara do jogo, Cristiano Ronaldo (foto:marca.com)

O Barça é o líder do campeonato espanhol, com 16 pontos a mais que o Real Madrid. Apesar de precisar reverter os 2×0 sofridos em Milão, pela Champions League, o Barça é praticamente campeão espanhol e não dependia do resultado da Copa do Rei para ter uma temporada não tão acapagada.

Já para o Real Madrid este jogo valia a temporada. Com a Liga Espanhola perdida e a Champions League dependendo de uma vitória contra o Manchester United, em Old Trafford, passar à final da Copa do Rei era necessário. Assim foi, Barcelona 1×3 Real Madrid. Dois gols de Cristiano Ronaldo, o craque do jogo! O adversário do Real Madrid na final da Copa do Rei sairá do jogo de amanhã entre Atlético de Madrid x Sevilla.

Real e Barça vão lutar para seguir vivos na Champions e ojalá consigam. Pela Liga Espanhola, sábado tem mais clássico, só que desta vez no Santiago Bernabéu. Pela Liga dos campeões, ambos não vão desistir. Acreditemos na classificação dos dois 🙂

Villa e Kaká, as dúvidas para Barça x Madrid

As escalações para o clássico de logo mais, entre Barcelona e Real Madrid, ainda não foram divulgadas. Mas, pelo que a imprensa especula, as únicas dúvidas estão no meio-campo do Real e no ataque do Barça.

villa

No decorrer da temporada, o corpo técnico do Barcelona já deixou claro quais são os 11 jogadores titulares: Víctor Valdés, Dani Alves, Puyol, Piqué, Jordi Alba; Xavi, Busquets, Cesc Fábregas; Iniesta, Messi e Pedro. A única mudança conhecida deste time para o que entrará em campo nesta noite será Pinto, goleiro titular do Barça na Copa do Rei. Porém, depois da atuação da equipe contra o Sevilla e do bom jogo de David Villa, Jordi Roura pode surpreender e escalar o Guaje. Particularmente não acredito que Villa comece o jogo. Ele até pode entrar no decorrer da partida, mas dificilmente estará entre os 11 iniciais.

kaka

No Real Madrid a surpresa pode ser Kaká. Mourinho não deu nenhuma pista, mas depois do bom jogo do brasileiro contra o Deportivo, no último sábado, Kaká entrou na fila para ser um dos titulares. Cristiano Ronaldo é intocável e Özil agrada, no caso de que Mou opte por Kaká, Di María seria o sacrificado. Em se tratando de um jogo decisivo e que pode valer a temporada do Real Madrid, é muito difícil que o português escale Kaká entre os 11 iniciais. O mais provável é que o brasileiro entre no decorrer do jogo, se o rendimento dos demais não for o imaginado por Mourinho. Os 11 do Real devem ser: Diego López; Arbeloa, Pepe, Varane, Coentrão; Khedira, Xabi Alonso; Di María, Özil, Cristiano Ronaldo; e Higuaín.

Barça é o Barça mesmo sem Messi

O argentino ficou no banco e assistiu seus companheiros despacharem o Córdoba, pelas oitavas de final da Copa do Rei. O Barcelona venceu o jogo de volta, no Camp Nou, pelo placar de 5×0. Alexis e Villa se reencontraram com o gol e marcaram 2 gols cada. O melhor do mundo ficou no banco e não pode estrear suas novas chuteiras, homenagem da Adidas ao maior vencer de prêmio de melhor jogador do mundo da história.

divulgação

divulgação

divulgação

divulgação

Com o resultado, o Barça se une aos outros 7 classificados para as quartas de final da competição. Os enfrentamentos, que acontecem já na próxima semana são:

  • Real Madrid x Valência
  • Barcelona x Málaga
  • Atlético de Madrid x Betis
  • Zaragoza x Sevilla

Se Barcelona e Real Madrid avançarem teremos Barça x Madrid e Madrid x Barça nas semifinais 🙂

Real Madrid faminto

as.com

as.com

Não sei se foi o prêmio de Messi, a pressão do vestiário ou o clima de incertezas que envolvem o Real Madrid, mas Cristiano Ronaldo entrou “comendo grama” no jogo de hoje. O português marcou 3 dos 4 gols do Real Madrid na vitória com o Celta de Vigo, pelas oitavas de final da Copa do Rei. Os merengues perderam o jogo de ida e precisavam da vitória, CR7 presenteou os torcedores com uma bela atuação e a classificação.

mundodeportivo.com

mundodeportivo.com

Além do luso, o outro destaque do jogo foi o goleiro Iker Casillas. Alvo de críticas do treinador Mourinho, que não demonstra grande aprecio pelo jogador, Casillas poderiam nem ter jogado. Mas jogou e fez defesas importantes que garantiram o Real na próxima fase. Antes da partida, a torcida aplaudiou o jogador e vaiou Mourinho.

O bom desempenho do time deixa a dúvida, o ambiente hostil beneficiou ou prejudicou o Real Madrid nos últimos dias? Um bom jogo não resolve todos os problemas do time. As críticas continuarão e serão necessários muitos mais gols de Cristiano e belas defesas de Iker para colocar as coisas nos eixos. O que parece não ter solução é a situação de José Mourinho, este deve deixa o clube no final da temporada.

Nas quartas de final da Copa, o Real Madrid enfrentará o Valência. Se passar, teremos um Barça x Madrid nas semifinais.

Fernando Llorente, um leão sem reino

O Rei Leão do Athletic Club de Bilbao, Fernando Llorente, foi um dos responsáveis pelas vitoriosas campanhas do clube basco durante as últimas temporadas. Vice-campeão com o clube da Copa do Rei e da Europa League no ano passado, o atacante alto, forte e com grande facilidade de marcar gols, se destacou entre os jogadores e entrou para a história do clube. Suas atuações o levaram a lista de jogadores que representaram a Espanha campeã da última Copa do Mundo e também no último Mundial.

Mas, nos últimos meses, o reinado de Llorente parece estar se dissolvendo em um mar de discórdia. Depois de sua grande temporada, o jogador almejava a saída do clube, pretendentes não faltavam. Como seu contrato vai até o final da temporada, o clube também deveria estar de acordo com esta venda. O Athletic Club disse não. Llorente ficou e a relação entre clube, atleta e treinador (Marcelo Bielsa) está cada dia mais tensa. O Athletic acusa o jogador, o treinador o deixa no banco e Llorente fala pouco.

A gota d’água foi o último jogo, contra o Real Madrid no Santiago Bernabéu. A torcida merengue aplaudiu Llorente, ao mesmo gritava insultos a seus companheiros de clube, ele agradeceu. No mesmo jogo, o atacante conversou com companheiros de seleção, trocou camiseta e foi fotografado. A direção do Athletic não gostou e a torcida se sentiu ofendida. Para completar, Llorente não participou da coletiva e a direção do clube publicou um comunicado. Na noite de ontem, o atacante concedeu entrevista a televisão do país basco se desculpou e apresentou a sua versão dos fatos. E a novela só está começando.

Não tem certo ou errado nesta história toda, mas o clube poderia ter conduzido a situação de outra forma. Agora, a grande estrela do clube não joga, está descontente e deve sair ao final do contrato. O clube perde o vínculo com um dos maiores de sua história e não freia os comentários, que só desgastam a imagem da atual direção. Ojalá, tudo se resolva, adinal o que todo mundo que é que Llorente continue fazendo o que ele mais sabe fazer, gols.