Efeito Fúria muda de casa!

Queridos leitores!

O Efeito Fúria está de casa nova! Mudamos o blog, deixamos com mais espaço para todos os assuntos relacionados ao futebol espanhol e prometemos trazer ainda mais novidades sobre o melhor futebol do mundo 🙂

Este blog seguirá como um arquivo do que passou nas temporadas de 2012 e 2013, mas a partir de agora nosso endereço é http://efeitofuria.com.br/

logo-pequeno

Esperamos vocês por lá!

Primeira convocação da Fúria depois da Confederações

Vicente del Bosque divulgou a lista dos convocados da Seleção Espanhola para o jogo amistoso contra o Equador, na próxima quarta-feira. O treinador optou não convocar alguns dos seus homens fortes e dar oportunidade aos mais jovens.

Convocação Seleção Espanhola

Vamos a ela:

  • Iker Casillas,
  • Pepe Reina,
  • Víctor Valdés,
  • Arbeloa,
  • Azpilicueta,
  • Iñigo Martínez,
  • Albiol,
  • Sergio Ramos,
  • Jordi Alba,
  • Javi Martínez,
  • Santi Cazorla,
  • Iniesta,
  • Isco,
  • Thiago Alcântara,
  • Koke,
  • Jesus Navas,
  • David Silva;
  • Cesc Fábregas,
  • Negredo,
  • Fernando Llorente,
  • Cristian Tello.

As novidades, muito bem vindas:

Jogadores Espanha

Imagem: marca.com

Iñigo Martínez (da Real Sociedad), Isco (do Real Madrid), Thiago Alcântara (recém contratado do Bayern de Munique), Koke (do Atlético de Madrid) e Cristian Tello (do Barcelona);

e a volta de Fernando Llorente um ano depois da sua última convocação;

são as notícias desta convocação que mostra que Del Bosque está de olho em todos que podem compor o elenco da Fúria na Copa do Mundo de 2014.

Por: Tatiana Mantovani

O Efeito Fúria volta com tudo :)

Agosto começou e o Efeito Fúria voltou 🙂 Depois de umas férias, acredito que merecidas, o Blog volta a ativa!

Wembley Stadium

A temporada do Efeito Fúria começa com um toque de futebol inglês 🙂 Wembley Stadium

Muitas coisas aconteceram por aqui enquanto o blog esteve out…

  • Tito Vilanova deixou o Barça, por motivos de saúde, e Tata Martino aterrizou na Cataluña.
  • David Villa saiu do Barça e se tornou o grande reforço pedido pelo Simeone para o Atlético de Madrid.
  • O Cavani entrou para a lista dos mais caros do mundo, mas não desembarcou por aqui, foi para o PSG.
  • O Navas e o Negredo trocaram o Sevilla pelo Manchester City e o Deulofeu foi para o Everton.
  • O Thiago Alcântara, sim um dos filhos do Mazinho, foi ser comandado pelo Pep no Bayer de Munique e seu irmão, o Rafinha, foi para o Celta de Vigo.
  • O Rafa Benítez está dando uma baita melhorada no Nápoles e levou o Higuaín, o Albiol, o Callejon e o pepe Reina com ele.
  • E o Soldado deu adeus ao Valencia e foi para Londres defender o Tottenham.
  • A seleção espanhola sub 20 decepcionou e não chegou à final do Mundial na Turquia; as meninas da Roja formam eliminadas do Europeu da categoria; e os guris do sub-19 foram eliminados na semifinal do Europeu que acontece na Lituânia.

O mercado está tão movimentado que não podemos ficar fora desta “festa”. Mas, assim como prometido, os próximos post do blog serão sobre os estádio que visitamos no país berço do futebol. O blog esteve alguns dias em terras britânicas e pode conhecer 10 estádios. Alguns emocionantes, outros que corresponderam às expectativas e alguns decepcionantes. Na rota:

  • White Hart Lane, do Tottenham;
  • Emirates Stadium, do Arsenal;
  • Stamford Bridge, do Chelsea;
  • uma passadinha Goodison Park, do Everton;
  • Anfield, do Liverpool;
  • Wembley Stadium;
  • The Den, do Millwall;
  • Craven Cottage, do Fulham;
  • Loftus Road, do QPR;
  • Old Trafford, do Manchester United;
  • Etihad Stadium, do Manchester City.

Espanha segue líder do Ranking da Fifa e Brasil volta ao top 10

A Copa das Confederações voltou a colocar o Brasil no seu devido lugar, entre as melhores seleções do mundo. Porém, mesmo com a vitória sobre a Espanha e a conquista do título, o Brasil não conseguiu desbancar a Fúria. A Seleção Espanha segue no topo da lista como a melhor seleção de futebol do mundo.

Melhores Seleções do Mundo Brasil Espanha

O título da Copa das Confederações tirou a Seleção Brasileira da 22ª posição e o colocou em 9º lugar, atrás da Espanha, Alemanha, Colômbia, Argentina, Holanda, Itália, Portugal e Croácia. É, o caminho para voltar ao ponto mais alto não será fácil para o Brasil. A diferença entre a Canarinha e a Roja é de quase 500 pontos.

Confira o ranking das 20 melhores seleções do mundo em junho de 2013:

  1. Espanha – 1.532 pontos
  2. Alemanha – 1.273 pontos
  3. Colômbia – 1.206 pontos
  4. Argentina – 1.204 pontos
  5. Holanda – 1.180 pontos
  6. Itália – 1.142 pontos
  7. Portugal – 1.099 pontos
  8. Croácia – 1.098 pontos
  9. Brasil – 1.095 pontos
  10. Bélgica – 1.079 pontos
  11. Grécia – 1.038 pontos
  12. Uruguai – 1.016 pontos
  13. Costa do Marfim – 1.009 pontos
  14. Bósnia-Herzegóvina – 995 pontos
  15. Inglaterra – 994 pontos
  16. Suíça – 987 pontos
  17. Rússia – 979 pontos
  18. Equador – 932 pontos
  19. Peru – 898 pontos
  20. México – 880 pontos

Espanha avança às quartas e enfrentará o Uruguai no Mundial Sub-20

O jogo não foi bem como se esperava. A Espanha, invicta na competição até o momento, enfrentava o terceiro colocado do grupo D, o México. Depois do grande jogo contra a França, na última rodada da fase de grupos, se esperava uma Espanha rápida, forte e decidida. Mas não foi tão simples assim.

Espanha Sub-20

(fifa.com)

O México entrou em campo para seguir vivo no Mundial Sub-20. Logo aos dois minutos de jogo, o México abriu o placar. Depois do gol, o México controlou os principais jogadores, marcou forte e não parou de atacar. A Espanha, atada, esperou o descanso para colocar a casa em dia. No intervalo, Lopetegui foi duas modificações, saíram Puerto e Deulefou e entrarm Saúl e Denis Suárez. E foi justamente Denis quem deu o passe para o gol de empate, que veio aos 74 minutos com Derik. Quando o jogo se encaminhava para a prorrogação, Jesé (o destaque da Espanha na competição) não duvidou e chutou, marcando assim o 2×1.

Seleção Espanhola Sub-20

(fifa.com)

Com o resultado a Espanha já está nas quartas de final, que acontecem no sábado. Seu adversário, o Uruguai derrotou a Nigéria, também por 2×1, e está pronto para encarar a Fúria.

Começa o mata-mata no Mundial Sub-20 e a Fúria quer seguir

A Espanha quer continuar viva no Mundial Sub-20, que acontece na Turquia. Mas para isso terá que vencer o México pelas oitavas de final. Esta tarde, às 17h (horário de Madrid), Espanha e México entram em campo para definir quem segue vivo no torneio.

Espanha Sub-20

(fifa.com)

A Fúria se classificou para as oitavas em primeiro do seu grupo, após vencer os três jogos (Estados Unidos, Gana e França). O treinador da Rojita, Julen Lopetegui, ainda não definiu os 11 titulares, mas deve ir com força total. Ele poderá contar com Jesé, Deulofeu e companhia, o único que é dúvida é Campaña. No lado mexicano, o time contará com Tecatito, a estrela da seleção até o momento. O camisa 10 do México é a esperança do time que se classificou para as oitavas depois de ficar em terceiro no grupo D (com Grécia e Paraguai na dianteira).

Se a Espanha vencer enfrentará o vencedor de Nigéria x Uruguai nas quartas de final.

Os demais confrontos das oitavas de final do Mundial Sub-20 são:

  • Grécia x Uzbekistão
  • França x Turquia
  • Portugal x Gana
  • Croácia x Chile
  • Iraqque x Paraguai
  • Colômbia x Coréia do Sul
  • Nigéria x Uruguai

A por la Copa, Brasil!

Não sei se foram os protestos, as volta da família Scolari, a magia do Maracanã ou se de verdade jogamos tudo isso. Mas o fato é que o Brasil, tão temido e invejado parece que voltou.

Brasil Espanha Maracanã

(fifa.com)

Até uns minutos antes de começar o jogo,ninguém imaginava que o final pudesse ser este. Se pensava que o Brasil pudesse vencer a Espanha, mas assim não. A Seleção Espanhola, atual campeã de tudo caiu. E caiu da forma mais dolorosa, tomando uma goleada. Não vimos David x Golias, não eram os mais fracos contra os mais fortes. O que vimos foi apenas um jogo de futebol. Onde o atual reinado caiu frente ao eterno reino temido. O placar de Brasil 3×0 Espanha e a conquista da Copa das Confederações foi a primeira batalha vencida.

Brasil Espanha

(fifa.com)

A Seleção Brasileira não está pronta para a Copa do Mundo, que convenhamos é o que interessa. Mas nem a Fúria o está. Espero que esta vitória não acomode o Brasil. Temos muito que fazer, tanto dentro quanto fora de campo. Também espero que a queda não fortaleça os espanhóis. Não queremos um adversário ainda mais forte no ano que vem.

Estamos felizes, contentes e esperançosos, mas a luta continua! Vencemos a batalha, mas a guerra ainda esta por vir. Que não seja apenas um lapso de sanidade, que o Brasil se erga (em todos os sentidos e áreas) e que possamos nos orgulhar ainda mais de ser brasileiros! No futebol, a guerra é em 2014.

O jogo mais esperado dos últimos anos

Capa Jornal Marca

(marca.com)

A final que todos queríamos chegou. Por fim Brasil e Espanha vão se enfrentar. A competição não é exatamente aquela com o título mais sonhado pelos dois, além disso vem carregada de uma certa “maldição” – os campeões da Copa das Confederações não costumam vencer a Copa do Mundo no ano seguinte. É claro que se as seleções se enfrentassem na final da Copa do Mundo seria muito mais representativos, mas dá igual. Afinal, todo mundo quer ganhar.

A Espanha quer vencer o Brasil para demostrar que é sim a melhor seleção do mundo na atualidade. Derrotar a penta-campeã, no Maracanã e jogando bem colocaria esta Fúria em um lugar ainda mais alto no imaginário e na história do futebol mundial. O Brasil também quer vencer. Demostrar que esta seleção pode pode ganhar da atual campeã de tudo e dar esperança ao povo brasileiro, e aos fanáticos da canarinha, que no ano que vem se fará uma grande Copa do Mundo.

Capa Jornal AS

(as.com)

Para o jogo, o Brasil chega melhor. Jogará em casa e conta com um dia mais de descanso. A Espanha é mais time. O grupo está jogando junto faz tempo e conta com verdadeiros magos da bola. Aposto em um jogo bonito, mesmo pensando que pode ser justamente o contrário, porque, afinal, se trata de uma final. O Felipão vai escalar o melhor que tem e tentar aproveitar a rapidez dos seus meninos para não deixar a Espanha tocar muito. Acredito que ele utilizará algumas estratégias da Itália de Prandelli, que vimos na semifinal. Defesa fechada, marcação forte e rápido contra-ataque. Já a Espanha, bom, penso que o Del Bosque vai seguir sua linha de pensamento e tentar garantir a posse de bola. Os espanhóis vão explorar o meio de campo, onde contam com os melhores jogadores, e deixar para o ataque resolver. Se bem que, não podemos descartar o falso 9, eles gostam muito disso e o Brasil pode sofrer com tanta gente atacando. É impossível saber o que vai passar, mas aposto por um bom jogo.

Os times titulares ainda não foram divulgados, mas o Brasil deve ir com: Julio César; Daniel Alves, Thiago Silva, David Luiz e Marcelo; Luiz Gustavo, Paulinho e Oscar; Hulk, Neymar e Fred. Já a escalação da seleção espanhola deve contar com: Casillas; Arbeloa, Piqué, Sergio Ramos e Jordi Alba; Busquets, Xavi, Iniesta, Fàbregas/Silva e Pedro; Fernando Torres. O jogo começa às 19h, no Brasil, e meia-noite, aqui na Espanha.

Contando as horas 🙂

Brasil x Espanha – tradição x situação

A maior campeã da história do futebol contra a atual campeã de tudo, tradição x situação. O jogo mais esperado dos últimos anos finalmente sairá do imaginário dos fanáticos por futebol e se tornará uma realidade. Ok, não é uma final de Copa do Mundo e o título é visto com uma certa “maldição” no ano antes da Copa. Enfim, a competição dá igual, o importante será o jogo. Afinal, faz mais de 27 anos que Brasil e Espanha não se enfrentam em um jogo oficial.

Brasil x Espanha

Na história, Brasil e Espanha não se enfrentaram muitas vezes. Desde que a Espanha começou a ganhar tudo, as duas seleções ainda não se encararam. Até hoje foram somente oito confrontos. O Brasil venceu quatro, dois foram empate e a Espanha ganhou duas vezes. A última vez que Brasil e Espanha se encontraram foi em 1999, em um jogo amistoso aqui na Espanha, em Vigo. O Maracanã, palco da final de domingo, recebeu apenas um jogo em 1950, na Copa do Mundo, no qual os brasileiros levaram a melhor e fizeram 5 a 0. Esta final da Copa das Confederações será o primeiro jogo oficial entre as seleções fora de uma Copa do Mundo.

Confira todos os confrontos entre Brasil e Espanha:

  • Copa do Mundo de 1934

27/5/1934, Gênova, Itália
Espanha 3×1 Brasil

  • Copa do Mundo de 1950

13/7/1950, Rio de Janeiro
Brasil 5×0 Espanha

  • Copa do Mundo de 1962

6/6/1962, Viña del Mar, Chile
Brasil 2×1 Espanha

  • Copa do Mundo de 1978

7/6/1978, Mar del Plata, Argentina
Brasil 0x0 Espanha

  • Amistoso

8/7/1981, Salvador
Brasil 1×0 Espanha

  • Copa do Mundo de 1986

1/6/1986, Guadalajara, México
Brasil 1×0 Espanha

  • Amistoso

12/9/1990, Gijón, Espanha
Espanha 3×0 Brasil

  • Amistoso

13/11/1999, Vigo, Espanha
Espanha 0x0 Brasil

Viene la Roja

A Itália foi perfeita em sua estratégia para segurar a Fúria. Começou o jogo com o meio de campo super povoado, marcando a saída de bola espanhola e atacando com velocidade. A Espanha não foi bem, nem no primeiro, nem no segundo tempo.

Iniesta

ESpanhóis não estão acostumados com o calor únido do Brasil (fifa.com)

O calor foi o grande vencedor o tempo normal. O melhor da partida, Iker Casillas. O goleiro fez grande defesas e segurou o ataque italiano.

Iker Casillas

Nome do jogo, Iker Casillas (fifa.com)

 

Na prorrogação a história foi outra. Com a Itália fisicamente fragilizada e a entrada de Navas e Mata, a Espanha melhorou e atacou muito mais. A Fúria tentou, tentou e tentou, mas não marcou. O jogo terminou Espanha 0x0 Itália. Por fim, a partida teve que ser decidida nos pênaltis. E Jesus Navas bateu o pênalti de número 7, depois que Bonucci chutou para fora, e colocou a Espanha na final.

Espanha Final Copa Confederações

(marca.com)

No domingo o jogo que o mundo esperava, Brasil x Espanha no Maraca! A questão é saber quem terá mais medo de quem, a Espanha do pentacampeão ou o Brasil da melhor seleção do mundo da atualidade? Não perderemos este jogo por nada neste mundo!